pensador.info www.emagrecerdevez.com

domingo, 26 de maio de 2013

O que decepciona afinal?

Já me decepcionei com pessoas que considerei amigas, muitas vezes pessoas muito próximas, aquelas que  nós pensamos que nutrem por nós o mesmo respeito, lealdade e carinho que nutrimos por elas. E quando descobrimos que nos enganamos a decepção é muito grande e a dor é imensurável. 
Mas o que decepciona afinal?
É você escolher uma pessoa entre tantas dezenas, dedicar-lhe o seu afeto, carinho atenção, cuidados. Elegê-la como amigo(a) e de repente descobrir que esta pessoa não foi digna do seu afeto, da sua amizade?
É você procurar os melhores predicados desta pessoa para ressaltar quando alguém vem dela falar e depois saber que ela age justamente ao contrário em relação a você?
Tudo isso decepciona. A falta de lealdade, fidelidade, solidariedade. A solidão de sentimentos, pois só você pode carregar o peso da sua dor, da perda de alguém que você necessariamente aboliu, anulou da sua vida.
E aí vem o peso pela perda de alguém que fenece para você, causando-lhe dor, angústia desilusão... e essa dor é bem maior porque é de alguém que perece, mas você continua encontrando-a no seu círculo de amizades e por mais que você a ignore, a decepção deixa cicatrizes irreparáveis.
Mas o sucesso vem após as decepções e o primeiro deles é a vitória sobre a falsidade.
 Umbelina 
Nossos melhores sucessos vêm depois de nossas maiores decepções. (Henry Ward Beecher)

Caros internautas

Caros internautas
"A literatura, como toda a arte, é uma confissão de que a vida não basta" Fernando Pessoa

Importante

Importante
Caso alguém seja autor de algum texto ou imagem contida neste blog, e não tenha sido creditada a sua autoria por meu desconhecimento, agradeço que me contatem imediatamente a fim de serem dados os devidos créditos.

Extrato de amora

De todas as postagens feitas aqui, o extrato de amora é a que é mais vista e mais comentada. Realmente há muitos depoimentos favoráveis ao extrato de amora, portanto, sinta-se a vontade para conhecer um pouco sobre os seus benefícios.
Quantos agoras perdemos esquecendo que o risco pode ser a salvação de muitas alegrias de nossas vidas... O medo que nos impede de sermos ousados agora, também está nos impedindo de vermos a linda pessoa que podemos ser. (Clarice Lispector)