pensador.info www.emagrecerdevez.com

segunda-feira, 11 de março de 2013

A crise da igreja católica

Muito tem se comentado sobre a crise que a igreja católica vem passando ultimamente e a renúncia do papa Bento XVI veio esquentar ainda mais as discussões. É o momento que a mídia tem para explorar os "pecados da igreja", é a vez de divulgar que ela está ultrapassada e não tem acompanhado as mudanças da sociedade. Muitos acusam os dirigentes da igreja por fiéis estarem mudando de religião porque a igreja  está atrasada. Muito bem. Concordo que alguns dogmas devam ser revistos como o celibato, mas a crise não está aí. Não é a mudança deste dogma que vai encher as igrejas. A falta de fé não está aí, está no desconhecimento do Evangelho.
É verdade que nunca se revelou tantos escândalos: pedofilia, homossexualismo, corrupção... enfim, tudo o que não se admite não apenas na igreja católica, mas em qualquer religião, pois é isso tudo  imoral e antiético, portanto não condiz com o que as religiões pregam. 
Alguns grupos de pessoas querem a liberação do aborto, eutanásia, etc. e culpam a crise da igreja também por isso, mas eu pergunto é a religião que tem que se adequar aos fieis? Não seriam os fiéis que teriam que viver a sua fé em Deus e seguir a sua palavra? Ou será que o que Jesus pregou há dois mil anos já não é mais válido? Se assim for, em quem devemos crer num deus contemporâneo, midiático, plugado...? 
Acho sim que o celibato deveria ser liberado, pois o motivo da proibição é político não é religiosos,  mas isso apenas não poria fim a falta de caráter de alguns religiosos, pois se o casamento fosse a solução, não teríamos tantos casais infiéis (homens e mulheres).  O problema é o ser humano e quando o homem é indigno não é uma batina, um título de doutor ou um cargo político que o torna virtuoso, é um problema de índole.
Estou torcendo para que seja eleito um papa carismático, justo e que corresponda ao desejo divino. Mas está na hora de cada fiel analisar as suas falhas e não querer justificar seus pecados apontando os pecados de outros, pois cada pessoa será julgada por si apenas por suas falhas.
A juventude precisa mudar o discurso de que a igreja está distante dos jovens, pois é ela quem está distante de Deus. Pouco importa quem seja o dirigente que estará à frente da igreja, ele será apenas um homem eleito para exercer uma função e tem todo o direito de renunciar ou não, de cometer erros e de pedir seu perdão, assim como nós que não temos cargos, mas somos responsáveis igualmente por anunciar o evangelho, defender o direito a vida, respeitar o próximo, sermos éticos.
Vamos fazer uma reflexão sobre a nossa fé. E quando você católico muda de igreja, eu te pergunto: a tua fé é em Deus ou no padre? Não vou citar outros escândalos que também envolvem outros fiéis de outras igrejas, mas eles existem e existem justamente porque eles também são humanos, por isso passiveis de falhas tal qual os outros.
è tempo de quaresma, reflexão. Tempo de pensarmos a nossa caminhada, a nossa fé, o que temos feito para darmos nosso testemunho da palavra de Deus. façamos a nossa parte.
Há tanta  depressão, violência, desajuste nas famílias, miséria... As pessoas não procuram preencher o vazio existente dentro de si, buscando a Deus, procuram ídolos e os ídolos são sempre de barro...
Fiquem com Deus.

Caros internautas

Caros internautas
"A literatura, como toda a arte, é uma confissão de que a vida não basta" Fernando Pessoa

Importante

Importante
Caso alguém seja autor de algum texto ou imagem contida neste blog, e não tenha sido creditada a sua autoria por meu desconhecimento, agradeço que me contatem imediatamente a fim de serem dados os devidos créditos.

Extrato de amora

De todas as postagens feitas aqui, o extrato de amora é a que é mais vista e mais comentada. Realmente há muitos depoimentos favoráveis ao extrato de amora, portanto, sinta-se a vontade para conhecer um pouco sobre os seus benefícios.
Quantos agoras perdemos esquecendo que o risco pode ser a salvação de muitas alegrias de nossas vidas... O medo que nos impede de sermos ousados agora, também está nos impedindo de vermos a linda pessoa que podemos ser. (Clarice Lispector)